O que quebra a maldição é o arrependimento

O que quebra a maldição é o arrependimento

Algumas pessoas dizem que não tem nada a ver o rei Davi, que era um homem sábio, prudente, um homem extremamente sintonizado com Deus, tomar uma decisão errada, uma decisão infeliz que foi enumerar o povo, contabilizar as pessoas. E a própria Bíblia diz que Deus não aprovou essa decisão, mas porque Davi não queria números para organização, mas sim para a exaltação.

Muitas pessoas acham que isso não tem nada a ver, contar os seus pelotões, poder se organizar, mas como você vai fazer guerra com os seus adversários, como vai se organizar se você não tem informações dos seus números? Por isso, os números para a organização são abençoados, já os números para a exaltação são amaldiçoados.

O coração de Davi estava tão grande e tão cheio, porque ele tinha vencido muitos exércitos, ele tinha crescido o território do rei, que ficou se achando. E você vai crescer muito mais do que imagina, porque Deus vai te surpreender, mas jamais olhe para o tamanho das riquezas que adquiriu materialmente e fique se vangloriando, mas agradeça a Deus por ter crescido um pouco e tenha a consciência de que és pequeno e que pode crescer muito mais, mas para glorificar e dar honra  ao nome do Senhor e não para a sua exaltação.

Por isso, essa decisão de Davi foi ruim aos olhos do Senhor, porque Davi mandou contar o povo e aí veio uma peste com três propostas, duas tinham a ver com os homens e apenas uma tinha Deus e então ele disse: “Eu prefiro enfrentar o juízo de Deus, enfrentar o mundo espiritual, porque eu sei que no mundo espiritual o arrependimento quebra as maldições”.

Talvez você esteja lutando contra uma maldição nas suas finanças, no seu casamento e com isso você está encolhendo, está se tornando menor, mas pergunte a Deus o por quê? Talvez uma decisão que você tenha tomado, uma coisa que você fez e sem compreensão, assim como Davi que não achava que ele estava errando, pergunte ao Espírito Santo porque Ele pode te surpreender com uma Palavra e se você agiu e decidiu de maneira errada, não tem problema, porque hoje nós temos o sangue de Jesus que cancela e apaga todo pecado.

“E houve nos dias de Davi uma fome de três anos consecutivos; e Davi consultou ao SENHOR, e o SENHOR lhe disse: É por causa de Saul e da sua casa sanguinária, porque matou os gibeonitas. 2 Samuel”. 20:1

Por isso,  o que quebra a maldição é o arrependimento e a bênção daqueles que foram prejudicados. Davi perguntou o que poderia fazer para ter as bênçãos do Senhor, porque tinha alguma coisa errada, mas eles falavam que não tinha nada a ver, quando na verdade tinha tudo a ver. É difícil as pessoas aceitarem que o mundo espiritual reflete no mundo natural. Que decisões, que escolhas, que relacionamentos de honra, entre filhos e pais, entre maridos e esposas podem abrir ou fechar os céus de nossas vidas.

Três anos sem chuvas, perdendo grandes colheitas, levando o país à fome, à escassez, tendo que comprar comida fora. O outro lado, uma decisão errada que trouxe pestes, que trouxe epidemias, que trouxe doenças, as pessoas falavam que não tinha nada a ver, porque o agente causador desse mal eles falavam que eram os vírus. Então, por que esse vírus ganharam forças entre as pessoas? Se você voltar em algum ponto lá atrás na sua genealogia, você vai ver que em um elo da sua ascendência entrou essa maldição”, porque teve alguma causa. Mas sabe qual é a beleza do Evangelho? É que não importa como entrou e quando entrou, porque quando você vai ao altar de Deus, você cancela aquela maldição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *