A DRACMA PERDIDA


No livro de Lucas, capítulo 15, Jesus propõe uma parábola aos fariseus e escribas que murmuravam sobre sua conduta. E disse: “Ou qual a mulher que, tendo dez dracmas, se perder uma dracma, não acende a candeia, e varre a casa, e busca com diligência até a achar? E achando-a, convoca as amigas e vizinhas, dizendo: Alegrai-vos comigo, porque já achei a dracma perdida!”

Há um tempo de mudanças de Deus para sua vida. Ele tem coisas novas para te dar e coisas novas para fazer na sua vida. O tempo de águas paradas está proibido. A mesmice, a rotina, o paradeiro está com os minutos contados! Está na hora de mexer as águas, movimentar, mudar as vestes! Precisamos manter a chama acessa, o calor, o amor por pregar a palavra do evangelho de Jesus Cristo!

Deus tem coisas novas para fazer na tua vida, por você, por sua família. Novidades de vida, novidades em seu ministério e essas novidades virão através de novos desafios! Desafios são saudáveis. São necessários. São catalisadores! Produzem mudanças, nos impulsionam!

A paixão e a motivação fazem parte do DNA dos filhos de Deus. Não se amedronte diante do novo, não se desgaste. O inimigo quer te levar para a rotina, ele quer te desgastar e usar as decepções para enfermar o seu coração. Existe um lugar de paixão e motivação aonde você vai florescer! Não se torne uma dracma perdida. Você tem valor, você é útil! Encontre seu lugar! Ajuste seu foco, não podemos nos colocar como talentos perdidos na Casa de Deus!

Você tem valor, tem uma missão que Deus te confiou. Não fique jogado debaixo de um móvel qualquer como uma dracma perdida. Devemos como irmãos irmos atrás das pessoas que se sentem como dracmas perdidas, sem valor e ajudá-las a enxergarem o quão preciosas são, o quão valorosos somos todos para o Pai!

Não seja um talento esquecido, relegado, enterrado na Casa de Deus. Encontre seu lugar e exerça sua missão! Deus está contando contigo!


Bispo Rodovalho
05/04/2010.

One thought to “A DRACMA PERDIDA”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *